Hospital da Bahia inicia o Processo Internacional de Certificação da Acreditação Europeia – ACSA

O Hospital da Bahia deu início ao processo de acreditação internacional junto a Acreditação Europeia – ACSA – no Brasil, na segunda quinzena do mês de julho. A cerimônia ocorreu no auditório Jorge Torreão e foi prestigiada pela diretoria do hospital, corpo clínico e de enfermagem, além de diversas instituições de saúde convidadas e a diretoria da ACSA – Brasil.

Na abertura o superintendente executivo do Hospital da Bahia, Marcelo Zollinger enfatizou que o projeto iniciado  nesta cerimônia é o caminho natural do Hospital da Bahia (HBA). ” Passamos por outras certificações importantes como a ONA, onde atingimos o nível pleno em excelência, a certificação da  Surgical Review Corporation, SRC, qualificando a instituição como Centro de Excelência em Cirurgia Bariátrica e Metabólica,  a distinção do Selo Diamante certificado pelo  IQG – Health Services Accreditation no serviço de Hemodinamica. A partir de então definimos iniciar o processo para a certificação internacional da instituição espanhola, a ACSA, em parceria com o IBES. Este é um momento de grande grande vulto onde pretendemos enfrentar o desafio de qualificar internacionalmente a assistência à saúde prestada por um hospital com 12 anos de atividades, mas já referendado por instituições nacionais e internacionais”.

O evento contou com a participação de toda a diretoria do hospital. Além do superintendente-executivo, Marcelo Zollinger, o superintendente e diretor do Serviço de Cardiologia, Jadelson Andrade, Lílian Tombo e Fernando Rodrigues Jr. Participaram ainda, diretores médicos, gerentes e colaboradores da instituição,  a representante do CREMEB, Elaine Noya, o presidente e a superintendente da Associação de Hospitais e Serviços do Estado da Bahia – AHSEB, Paulo Adan e Maísa Domenech, da representante do Instituto Brasileiro para Excelência em Saúde – IBES, Christina Hart e o diretor da ACSA Internacional, José Antônio Carrasco.

“Nós fazemos um trabalho de qualidade, e este requisito é de fundamental importância para uma qualificação nacional e internacional. O Hospital da Bahia é muito jovem, está entrando na sua adolescência de uma forma muito plena.  A Acreditação da ACSA é mais um desafio que vamos enfrentar com o mesmo rigor que tivemos quando alcançamos as outras certificações” enfatizou o superintendente Jadelson Andrade.

A cerimônia contou ainda com a participação de representantes de instituições de saúde do Brasil que fazem parte do Programa Pioneiro da ACSA, entre elas: a Onocamp, representada por Alice Garcia, a CMA Anestesiologia, por Leopoldo Muniz, o Hospital e Maternidade São Mateus, por Luestânia Domingos, o Centro de Criogenia Brasil, representado por Raquel Nakamoto, a Pharma K por Luis Henrique Lopes e o hospital Geral de Goiânia, por Marcelo Rabahi.

No final do evento todos estas instituições receberam uma placa comemorativa alusiva ao Programa aos Pioneiros da Acreditação Europeia – IBES-ACSA.

Postagens Recentes