Dieta detox ajuda a eliminar ação das toxinas no organismo

Nutricionista alerta para os riscos dos alimentos calóricos e orienta como evitar o mal-estar após o consumo

 
Na Páscoa é comum o consumo excessivo de produtos com alta densidade calórica. Na lista dos alimentos considerados vilões da dieta saudável, neste período, estão as tortas, pães recheados, bolos, doces e chocolates, responsáveis pelo aumento das toxinas, que podem comprometer a saúde de diversas formas, conforme explica o nutricionista funcional do Hospital da Bahia, Luis Fernando Gonçalves.  
“Alimentos com esse perfil causam vários prejuízos ao organismo. Além de aumentar a inflamação, também prejudicam a barreira intestinal, responsável pela absorção correta de nutrientes. Ainda aumentam o número de toxinas no corpo. Essas toxinas, quando em altas quantidades, podem causar sonolência, baixar a imunidade, dificultar a perda de peso e levar ao aparecimento de doenças”, alerta.

A orientação é que evite o consumo excessivo de alimentos calóricos, mas em casos de exagero, é possível reverter o quadro de intoxicação com uma dieta balanceada, que atuará na limpeza do organismo, ajudando a melhorar o funcionamento dos órgãos e na eliminação das toxinas.

“Beba bastante água, até 2,5 litros por dia. Além de hidratar, a água purifica o organismo, melhora o funcionamento do corpo e ajuda a eliminar as toxinas de forma natural. O consumo de fibra nesse período também é importante, pois são carboidratos não digeríveis que auxiliam no bom funcionamento, especialmente na limpeza e regulação do intestino”, orienta o nutricionista.

Ele ainda destaca que é bom evitar alimentos industrializados e incluir frutas, verduras e legumes no cardápio, pois elas contêm poucas calorias e são ricas em nutrientes.

“Dê preferência às diuréticas, como a melancia e a berinjela, que têm ação digestiva e laxante; a couve, que estimula a produção de enzimas e ajuda na eliminação de toxinas; o abacaxi, que auxilia na eliminação de impurezas; o gengibre, que além de melhorar o sistema imunológico, melhora a digestão, além das frutas cítricas como a laranja, tangerina e kiwi, que possuem substâncias antioxidantes e fortalecem a imunidade”, explica.

Outra recomendação para quem está em busca de eliminar as substâncias gordurosas do organismo é não exagerar no consumo de leite, pães e massas, pois devido à presença de lactose e glúten têm digestão lenta e ação inflamatória. Também é bom evitar as carnes vermelhas, que têm maior quantidade de toxinas.

Sucos detox:

Para realizar uma dieta detox eficaz é preciso ter a orientação de um nutricionista e uma avaliação detalhada, onde serão analisados exames e avaliações bioquímicas para detectar alergias e intolerâncias para fazer as suplementações necessárias. Segue receita do nutricionista Luis Fernando Gonçalves para a preparação de sucos detox:
 

Suco I
Ingredientes:

2 folhas de erva cidreira fresca
1 limão descascado picado
1 maçã picada
200 ml de água de coco
 

Suco II
Ingredientes:

1 pera
1 ramo de salsinha
1 pepino descascado
1/2 maçã verde
200 ml de água de coco
 

Suco III
Ingredientes:

1 fatia de abacaxi
Suco de 1 limão
1 colher (sobremesa) de semente de linhaça
1 colher (sobremesa) de semente de abóbora sem pele
200 ml de água de coco

Postagens Recentes